skip to Main Content

O linfoma de Hodgkin (LH) acontece quando os linfócitos, tipo de glóbulo branco que deve proteger o organismo contra perigos como vírus e bactérias, passam a não exercer mais esta função por se transformarem em malignos, crescendo de forma descontrolada.

Neste tipo da doença, além de células cancerosas, a medula do paciente também produz células saudáveis. Atualmente, o linfoma de Hodgkin compreende cerca de 20% dos linfomas e pode ocorrer em qualquer idade, sendo mais comum em homens entre 25 a 30 anos.

SUBTIPOS

O linfoma de Hodgkin é dividido em quatro subtipos:

  • Predomínio linfocitário nodular – Mais frequente em jovens-adultos, frequentemente atinge a região do pescoço e mediastino. É altamente curável.
  • Esclerose nodular – Este é o tipo mais comum. Costuma surgir mais entre adolescentes e adultos jovens e frequentemente apresenta-se com doença localizada em região cervical, supraclavicular e mediastino.
  • LH rico em linfócitos – Semelhante ao de predominância linfocítica nodular.
  • Celularidade mista – Mais comum em homens idosos, é prevalente em pessoas com o vírus HIV e é comumente associado com estágio mais avançado do linfoma.
  • Depleção linfocitária – Confunde-se muito com linfoma não-Hodgkin. Ocorre principalmente em idosos e em portadores de Síndrome de Imunodeficiência adquirida. Pacientes podem apresentar doença extensa sem linfadenomegalia.

Acompanhe minhas redes sociais

Back To Top
×Close search
Search